Saúde
12/11/2020

Município acusa Direção-Geral da Saúde de falhas graves na transmissão de informação

O presidente da Câmara Municipal de Miranda do Corvo, Miguel Baptista acusou hoje, dia 12 de novembro, a Direção Geral da Saúde (DGS) de falhas graves na comunicação de informação rigorosa ao município sobre o número de casos da covid-19, aquando a sua surpresa com a inclusão do concelho na lista dos mais afetados pela pandemia

O presidente da Câmara Municipal de Miranda do Corvo, Miguel Baptista acusou hoje, dia 12 de novembro, a Direção Geral da Saúde (DGS) de falhas graves na comunicação de informação rigorosa ao município sobre o número de casos da covid-19, aquando a sua surpresa com a inclusão do concelho na lista dos mais afetados pela pandemia

Segundo o autarca, o município recebia diariamente um relatório do ponto de situação que, afinal, não “representava a situação real” do número de casos.

Os dados oficiais recebidos no dia de hoje registavam um total de 17 casos ativos quando, na realidade, o município foi informado que existem 39, o que, de acordo com a população do concelho, 13 mil habitantes, “dá um índice de 306, que o coloca na lista de risco elevado”.

Para este aumento terá contribuído, segundo Miguel Baptista,um surto no Centro Social Comunitário da Fundação ADFP, que, atualmente, tem cerca de uma dezena de casos positivos.

METEOROLOGIA
MIRANDA DO CORVO Meteorologia